Partindo de um ponto de vista amplo sem a primeira pessoa do singular, o futuro é um devaneio prazeroso. Visões agradáveis de praticidade, precisão e criatividade são exemplos tangíveis.

“Inovação frugal” é um conceito científico de transformação de matérias físicas em outras semelhantes ou não com resultados melhores. Uma analogia didática seria o conceito de “alquimia”, o rearranjo de metais. Um “chef” talentoso usa de certa forma conceitos semelhantes. Sob a perspectiva da cirurgia plástica a “inovação frugal” é uma realidade. As células de gordura chamadas de adipócitos tem particularidades importantes. Ou seja, quando extraídas adequadamente e manuseadas de forma fisiológica tem o poder de transformarem-se em células tronco. Elas adquirem formas de tecidos variáveis; funcional e “arquiteturalmente”. Isso gera uma amplitude de utilidades numerosa. Unidades anatômicas faciais, por exemplo, harmonizam-se com desenhos entre elas.

A pelve feminina com curvas delineadas e volumes de tecidos adequados é outra forma de utilização. Entretanto, a inovação técnica que mais chama atenção é o aumento mamário chamado de “lipofilling de mamas”. Vinte por cento das europeias escolhem tal método ao invés de implantes de silicone. Resta concluir que células tronco, criatividade e senso artístico em uma visão ampla se transformam em futuro…

Publicado na Revista Nine, 44º Edição. p. 58, São Paulo. 2015
Escrito por Dr. Felipe Massignan.